segunda-feira, 19 de setembro de 2016

A Importância de Uma Boa Noite de Sono

É inegável que uma noite mal dormida é capaz de nos arruinar um dia inteiro. E se forem várias noites mal dormidas, as consequências no nosso dia-a-dia são ainda piores.

A verdade é que o sono é bastante importante para a nossa saúde física e mental:
- Enquanto dormimos, para além de consumirmos menos energia (logo calorias), o nosso corpo repara-se e regenera-se. É libertada no organismo uma hormona que ajuda os ossos, os músculos e outros tecidos a regenerarem-se. 
- Para além disso, é durante o sono que o nosso cérebro se limpa dos resíduos tóxicos (através do sistema linfático) e fixa as informações acumuladas durante o dia. É também durante o sono que ele se regenera e que compila e organiza toda a informação que se foi recolhendo.
- Enquanto estamos acordados o corpo vai produzindo hormonas de stress (cortisol e adrenalina) e se não dormirmos o tempo suficiente, estamos a sobrecarregar o funcionamento do nosso coração.
- E o "sono de beleza" não é um mito, pois é durante o descanso nocturno que as células da pele se rejuvenescem (através da produção da melatonina) e assim as rugas de expressão atenuam-se.

https://pt.pinterest.com/pin/268104984046805866/

Eu sempre fui dorminhoca, preciso mesmo de 8 horas de sono diárias, bem dormidas, sem sonhos e interrupções, para conseguir estar no pleno das minhas capacidades. E embora haja uma ou outra pessoa que tem essa incrível capacidade de conseguir funcionar bem e com sucesso com apenas 4 ou 5 horas de sono diárias, isso NÃO é o normal.

Mas a verdade é que eu vejo que cada vez mais pessoas a dormirem cada vez menos diariamente.

Eu antes achava espectacular ver como é que uma pessoa conseguia dormir 6 horas por noite e ainda assim conseguir trabalhar, ter hobbies, cuidar dos filhos e ter tempo para sair e passear. Confesso que ficava com uma pontinha de inveja desssas pessoas tão energéticas, que conseguiam fazer tanto e dormir tão pouco, quando eu só funciono a 100% com OITO horas diárias bem dormidas.

Com o tempo cheguei à conclusão que essas pessoas não são naturalmente assim tão energéticas e que a maioria anda "rota" de cansaço e só se aguentam porque andam todo o dia (e muitas vezes, noite) tocadas a cafeína. O que é certo é que a pressão actual para o sucesso e se estar em todas, faz com que as pessoas sacrifiquem um das coisas mais importantes para a saúde do nosso corpo e da nossa mente: as horas tão necessárias de sono.

Apesar de a curto prazo se conseguir (sobre)viver com poucas horas de sono dormidas e compensando com cafeína e outras substâncias energéticas, a médio e a longo prazo esse comportamento traz consequências que podem ser terríveis.

Entre outras consequências, a privação das horas necessárias de sono traz falhas de memória, alterações de humor, desregulação do apetite, pele cansada, perda da capacidade de tomar decisões ponderadas, perda da capacidade de planeamento, diminuição da capacidade de regeneração do corpo, aumento das inflamações e debilitação do sistema imunitário geral, entre outros.

Logo, a médio e longo prazo, fica-se mais susceptível a ter acidentes (por falta de concentração e foco), a alterações emocionais, a sofrer de ansiedade, diabetes, alzheimer, demência, problemas cardíacos, obesidade, só para falar em algumas consequências nefastas, porque a lista é bem maior! E nas crianças, a falta das horas necessárias de sono levam a problemas no crescimento, a dificuldades de concentração, na escola e até no relacionamento com os outros. 

https://pt.pinterest.com/pin/268104984046805869/

Eu consigo perceber quando o meu corpo reclama e precisa de mais tempo de sono. Agora, por exemplo, que ando a treinar (correr) mais do que o habitual (para uma prova de 10 Km) e que coincide com o início dos trabalhos na horta e com outras tarefas mais físicas (como cortar e arrumar lenha para o Inverno), tenho obrigatoriamente que dormir mais. Não posso saltar as oito horas de sono, e estas têm que ser seguidas. Os meus músculos pedem e eu tenho que obedecer. Senão o que acontece é que as pequenas lesões de esforço que vou fazendo não se curam e arrisco-me a ter sérias complicações. 

Eu vou continuar a ser dorminhoca o suficiente, para que a minha saúde, o meu corpo e a minha mente não se ressintam. Mas tenham atenção que dormir demais também faz mal e que o sono deve ser seguido, para o corpo poder passar por todas as fases do sono necessárias. Dormir sonecas no sofá em vez de ir para a cama, contam para pouco em questões de saúde.

E vocês, quantas horas é que vocês dormem por dia?

Boa noite, desta vez sem sonhos.

33 comentários:

Andreia Morais disse...

Durmo por volta de 7/8h por dia, dependendo sempre do que tiver para fazer. Mas a verdade é que dormir bem é fundamental, caso contrário vamos acabar por não conseguir corresponder como estaríamos à espera

Sónia Martins disse...

Há mais de um ano que pouco durmo, eu durmo, mas não seguido e sim ando completamente rota. Mas bem, no meu caso, tem um motivo que é ter um bebé de 10 meses, antes dele nascer, não conseguia dormir devido ao tamanho da barriga. Espero um dia voltas às minhas 7/8 horas de sono seguidas.

nat. disse...

Pois... Ora aí está um excelente tema...
Normalmente, e na minha vida "AF" (antes de filhos) também não era possivel que eu funcionasse bem com menos de horas de sono diárias...
Na minha vida "DF" ando entre as 6 e 7 horas de sono diárias... Sim, ando "toda rota" mas sem cafeina adicionada...
Notam-se algumas diferenças, e a esperança de que tudo volte aos eixos dentro de alguns (poucos) anos (pelo menos assim espero) é grande...

Um dia volto lá! (preferencialmente antes de ser atacada pelas possiveis maleitas associadas à falta de sono...)

Beijinho!

Os olhares da Gracinha! disse...

Amiga ... gostei da sua escolha sobre a qual importa refletir!
Pessoalmente se não dormir 8 horas ... fico arrasada!
Bj amigo

e se quiser ... espreite:

Se gosta de agrião ... espinafre e tomate veja três em um:
http://ospetiscosdagracinha.blogspot.pt/2016/09/bolo-de-espinafres-e-ananas-e-doce-de.html

Bella disse...

Olá

Parabéns pelo post. Muito verdadeiro aquilo que escreves.
Sabes que também é verdade que produzimos melatonina entre as 22h e as 2h. O que significa que devemos estar a dormir as 22h. Se formos para a cama depois da meia-noite, por exemplo, mesmo que sejam 8 horas de sono, não é reparador. Quem vai as 4h para a cama, não produz melatonina sequer, ou seja, o sono não vale nada.

É que não chega dormir 8 horas. O horário em que se dorme é muito importante. Ir para a cama as 21h30 é o sono mais reparador que pode existir. Acordamos as 6h da manhã totalmente restabelecidos sem sono, nem dores de cabeça.

Bjs

✿ chica disse...

Muito bom esse artigo e realmente o sono merece atenção.Precisamos de boas noites para termos bons dias! Linda semana! beijos, chica

Gracita disse...

Bom dia Catarina
Eu sou dorminhoca por natureza e procuro dormir 8 horas para me levantar bem disposta e ter energia para trabalhar
Sou do tipo durmo cedo mas acordo com as galinhas rsrs
Valiosíssimas informações neste seu post espetacular
Tenha um dia pleno de abraços, sorrisos e muita paz
Beijos

Nadja disse...



Olá Catarina!

Amei seu post, amiga! De grande valor, viu?
Ultimamente passeia dormir menos, mas tenho acordado bem disposta.
Um boa noite de sono vale ouro!

Boa semana com bons sonos!

Bjks

La Biosfera de Lola disse...

Hola, dormir para mi es muy necesario y siempre dormía unas ocho horas, pero ahora cada día duermo menos y es verdad que el cuerpo se resiente. Feliz descanso. Un abrazo.

O meu pensamento viaja disse...

Considero o ato de dormir uma bênção. Eu tenho dias, ou melhor, tenho noites.
Beijinhos

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

E já somos dois, pois eu também sou bastante dorminhoco e quando não durmo o suficiente ando o dia inteiro completamente aéreo. Um belo artigo.
Um abraço e continuação de uma boa semana.
Andarilhar

Simone Felic disse...

Olá Catarina
Eu preciso de 8 ou mais, dependendo do estresse do dia,
pois as vezes deito e não consigo dormir.
Bjs

http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

piteis da dinha disse...

Oi Catarina, bt!
Eu gosto de dormir cedo e de acordar cedo. Meu maior problema é que quando vou em alguma festa, reuniãozinha ou por qualquer outro motivo que eu tenha que dormir mais tarde, acordo muito cedo também, aí amiga, fico zonza o dia inteiro kkkkk
Bjsssss

Catarina disse...

Olá minha querida!!
Mais uma vez presenteias-nos com um excelente post!! Como eu adoro ler o que nos escreves!!
Eu não dispenso por nada deste mundo as minhas oito horas de sono, não preciso de mais nem de menos. E é muito rara a noite em que não as durmo, e quando raramente acontece fico logo rabujenta. Acredito piamente que umas boas horas de sono fazem muito por nós!!
Beijinho enorme minha linda**

Cadinho RoCo disse...

É importante demas ter boas horas de sono para refazer as energias.
Cadinho RoCo

nina disse...

Tens razão! o dormir bem e as horas necessárias faz falta a algumas pessoas sim! eu por exemplo ando a dormir 6/7 horas por noite, e até ver não noto nada em mim, que me faça grande diferença, mas já dormi bem menos e também já fiz (diretas) sei que isso não está correto, mas agora e com o aproximar das noites mais logas e frias, talvez mude esse hábito.
Tu fazes bem, dormes o necessário e isso só te trás beneficios.
Beijinho e uma noite descansada.
Instagram ∫ Facebook

Sandra Oliveira disse...

Eu também sou assim, e quando não consigo dormi pelo menos 7 horas, passados uns dias começa a ser complicado, o corpo reclama e muito :)
Também considero este assunto muito importante :)
Infelizmente, mesmo quando consigo dormir as horas necessárias, não tenho um sono descansado e isso também me faz diferença :)Mas tento fazer uns exercícios de relaxamento para ajudar.
Obrigado Catarina, por esta partilha tão importante :)
Beijinhos

Artes da Velha disse...

Olá, eu também pertenço ao grupo dos dorminhocos e preciso mesmo de dormir 8 horas, senão a diferença nos meus dias é enorme para o negativo.
bjs e foi uma boa escolha, este tema!

As Mulheres 4estacoes disse...

Olá Catarina,
Sempre fui muito dorminhoca, mas já alguns anos tenho algumas noites insones, o que me deixa mental e fisicamente cansada.
Ainda bem que não são todas as noites assim.
Um abraço
Sônia


Marta Moura disse...

Também sou uma grande dorminhoca! :)

Mariazita disse...

Olá, Catarina
Achei este post muito interessante e esclarecedor, pois nem toda a gente sabe quais os inconvenientes de dormir menos do que o necessário - sim,porque muitas vezes há pessoas que desconhecem que há um determinado número de horas necessárias ao repouso.
Eu nunca dormi muito, mas as 7 horas são fundamentais para me sentir bem. Tenho o vício de me deitar tarde, antes da meia noite rarissimamente vou para a cama, depois leio sempre um bocado - outro vício que tenho, não consigo apagar a luz sem ler - e levanto-me entre as 7,5 e 8 horas. Vem a dar as 7 horas por noite...

Bom Fim-de-semana
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

A.João disse...

Sete horas, é o que costumo dormir. E não falho uma sestinha de três horas ao sábado ou domingo.

CÉU disse...

Olá, Catarina!

Uma publicação mega interessante, diversificada e esclarecedora.

Tal como tu, preciso de dormir 8 horas, mas se forem 10, o meu corpo e mente agradecem, tal como hoje aconteceu.

Pode ser que o Presidente da República do nosso país, leia este texto. Quem sabe, quem sabe?

Beijinhos e bom fim de semana.

Lete disse...

Catarina, que belo post! Eu preciso das 8 horas de sono, caso contrário sofro muito. Quando tenho insónias entre as 4 e as 6 da manhã, é horrível o meu dia: ansiedade, irritabilidade, sonolência, falta de atenção, dificuldade em conduzir e aturar miúdos (na escola) um drama. :(
Por isso, quando tenho uma noite descansada é uma felicidade, pois desconfio que podem aparecer contrariedades, mas eu serei muito mais forte para as suportar. :)
Beijinho grande, minha querida, adorei as tuas letrinhas!

Zizi Santos disse...

Oi Catarina
ótimas informações sobre o sono!
O equilíbrio ao dormir deve existir. Nem muito, nem pouco
Os bebês é que dormem e tem uma pele linda!
o sono da beleza é verdadeiro, pelo menos para eles, rs
Gostei de saber que está treinando para uma corrida!
é um desejo meu, ainda não concluído, falta-me força nas pernas!
Eu durmo o necessário para minha idade. Confesso que dormiria mais ,
mas aqui marido acorda cedo , então dou minhas cochiladas durante o dia se necessário.
Beijinhos, feliz domingo!

PINTA ROXA disse...

Devido a um problema de saúde as minhas noites são horriveis, pouco durmo ultimamente e quando chega 5 ou 6 feira estou de rastos...
Catrina aqueles "buracos" são muito muito faceis de fazer.
Começo a carreira com a primeira malha que passo para a agulha da direita sem fazer ( acho que a beirada fica assim masi bonita) depois faço uma laçada, tiro duas malhas juntas, uma laçada, duas malhas juntas em liga ate ao fim da carreira. na carreira seguinte "lado do avesso do trabalho" faços as malhas todas em ponto de liga.
è bem facil.
beijinhos espero ter ajudado
Pinta

Isa disse...

Eu adoro dormir!!
Mas já há muito que não durmo o suficiente e isso ressente-se muito... quer na minha boa disposição matinal (not), quer na minha memória de elefante (já era)!!


PS. O meu blog vai ser privatizado, para continuares a seguir envia e-mail para umanovaetapa@blogspot.com

Graça Pires disse...

"É inegável que uma noite mal dormida é capaz de nos arruinar um dia inteiro".
Concordo em absoluto. Li todo o texto com imensa atenção e concordo com ele.
Eu nem sempre consigo dormir tão bem como desejo...
Uma boa semana.
Beijos.

lenalima disse...

Muito boa sua matéria, sempre fui dorminhoca, de 8 a 10 hs por dia....hoje sofro de insônia, e preciso de rem´dios para dormir, não gosto mas se não tomo,fico de dois dias e duas noites sem dormir, meu stress vai a mil.
isso aconteceu depois que perdi meu filho.
e já está fazendo parte de mim. bjss

Andreia Morais disse...

r: É um dos lugares para onde adoro ir *.*
A estrada para lá é boa, só não sei é se em pleno inverno o tempo a deixa percorrer, precisamente porque nunca fui lá nessa altura do ano.
Uma das coisas que gostava de também fazer lá era um dos trilhos, mas, concordo, um guia é essencial

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, dormir é essencial para o poder concentração e para a saúde, meu caso, durmo pouco de noite e mais durante o dia, passo horas acordado de noite a contar carneiros.
Resto de boa semana,
AG

Teresinha disse...

Catarina,
adorei este artigo sobre o sono.
Não sei onde me situo nessas referências, não sabendo, por isso, se hei de ficar triste ou contente!
Toda a vida dormi poucas horas, isto é, seis horas, em noites plenas! Se dormisse sete já estranhava! Nunca me deitei antes da meia-noite e, sendo muito enérgica nessa altura, só tomava dois cafés por dia. Depois das 5h já me tirava o sono. Agora já velhota e há um par de anos decidi que devia dormir as tais 8 horas, pelo menos, por isso recorri à ajuda dum 0,5mg inofensivo... tipo placebo!!!
O café foi ajuizadamente abolido com o cigarro aos 50 anos... de um dia para o outro! Mas gosto taaaannnto de café! Às tomo um bem cedinho!...
Há dias dormi até às 10h... se tivesse fogo de artifício tê-lo-ia lançado para os céus!!!...
Beijinhos

cozinha100segredos disse...

Ui, há 7 anos que não sei o que é dormir uma noite de sono como deve ser! E a falta que me faz! Ultimamente tenho tido bastantes enxaquecas à conta disso. Beijinhos